Curso

Confira as datas dos próximos cursos:

 

 

 

15º. Curso de Laser e Estética Genital - 25 e 26 de Outubro de 2018 (vagas esgotadas)

 

78º. Curso de Cirurgia Vaginal - 27 e 28 de Outubro de 2018 (vagas disponíveis)

 

16º. Curso de Laser e Estética Genital - 1 e 2 de Dezembro de 2018 (vagas esgotadas)

 

79º. Curso de Cirurgia Vaginal - 29 e 30 de Novembro de 2018 (vagas disponíveis)

 

17º. Curso de Laser e Estética Genital - 16 e 17 de Março de 2019 (vagas disponíveis)

 

80º. Curso de Cirurgia Vaginal - 14 e 15 de Março de 2019 (vagas disponíveis)

 
 

 

Programa do Curso de Cirurgia Vaginal

- Detalhes técnicos para realização da HV sem prolapso com segurança
- Histerectomia vaginal difícil: como contornar as dificuldades mais comuns
- Como evitar e tratar complicações durante a histerectomia vaginal
- Técnicas de morcelamento transvaginal para úteros miomatosos
- Cirurgia ovariana via vaginal: ooforectomia profilática e exérese de cistos
- Cirurgia tubária via vaginal: laqueadura e tratamento de gravidez ectópica
- Miomectomia: via vaginal, laparoscópica ou minilaparotomia ?
- Passo a passo, dicas e macetes para realização do sling transobturatório
- Prevenção do prolapso de cúpula vaginal - culdoplastia de McCall
- Preservação do útero durante o tratamento cirúrgico do prolapso uterino
- Correção sítio-específica dos defeitos do assoalho pélvico sem tela sintética
- Ascensão e queda das telas sintéticas para tratamento do prolapso genital
- Prolapso de cúpula vaginal pós-histerectomia em paciente sexualmente ativa:
  uma pedra no sapato do cirurgião ginecológico
- Colpocleise - análise das diferentes técnicas de obliteração vaginal
- Associação da estética genital à cirurgia vaginal - como abordar a paciente

 
Serão realizadas cirurgias ao vivo com transmissão simultânea para o auditório
do Hospital Evangélico de Londrina
 
 
Programa do Curso de Laser e Estética Genital                                    

- Panorama atual, controvérsias e oportunidades de mercado em estética genital
- Dez razões porque o cirurgião ginecológico deve atuar em estética íntima
Instrumentos, equipamentos, medicamentos e consumíveis necessários para
 
realização dos procedimentos estéticos em consultório sob anestesia local
- Como adequar seu consultório às exigências da Vigilância Sanitária
Tipos de energia disponíveis: laser, radiofrequência, luz pulsada, HIFU etc.
- Abordagem não-cirúrgica para correção das alterações estéticas e funcionais
- Rejuvenescimento e estreitamento do canal vaginal com laser de CO2 fracionado
- Radiofrequência microablativa para tratamento da atrofia vulvovaginal
- Passo a passo, dicas e macetes para realização da ninfoplastia sob anestesia local
- Como abordar o clitoris e capuz clitoridiano durante a labioplastia menor

- Correção de flacidez e inesteticismos dos grandes lábios - labioplastia maior
- Preenchimento dos grandes lábios vaginais com àcido hialurônico
- Luz intensa pulsada para epilação, clareamento e melhora da textura vulvar
- Atualização em hormonioterapia local: qual a melhor opção para cada paciente ?
- Como eu faço: anatomia e detalhes técnicos da vaginoplastia
- Como minimizar os riscos, evitando resultados indesejáveis e complicações
- Perspectivas no tratamento da IUE com laser de CO2 fracionado suburetral

 

As cirurgias e procedimentos serão demonstrados ao vivo na Clínica Endofemina

O curso inclui treinamento prático hands-on com laser de CO2 em modelos de vagina e vulva

©Cirurgia Vaginal

Desenvolvimento: Ademinho